Substância do Tempo

Nas palavras de Sophia de Mello Breyner "Emergimos da noite e do silêncio/E livres habitamos a substância do tempo". Há 48 anos que a Liberdade desoculta rostos, opiniões, sorrisos - vidas. A Avenida da Liberdade voltou hoje a ser a avenida das oportunidades para todos os rostos, opiniões, sorrisos. Para todas as vidas que habitam livremente a substância do tempo. De geração em geração, 25 de Abril sempre.


Fotografias de Inês Leote