Cartaz Cultural

Livro

A Filha Perdida, Elena Ferrante

O terceiro romance da autora cuja identidade apenas fabulizamos pela escrita serviu de base ao filme de Maggie Gyllenhaal, lançado no Festival Internacional de Cinema de Veneza, em 2021. Sem comprometer o brilhante trabalho de Olivia Colman e Dakota Johnson, esta história sobre a maternidade imperfeita não dispensa a leitura do romance original.
















Filme

Petit Maman, Céline Sciamma

Este drama francês que estreou em Junho do último ano destaca-se pela perspectiva da livre imaginação fértil de uma criança para desvendar medos, perdas, identidades, abandonos e fugas de um iminente sofrimento traumático. Com Gabrielle Sanzz e Nina Meurisse.












Música

Matriz - Tiago Nacarato:

É quase certo que ouvir Tiago Nacarato vai correr sempre bem. E a verdade é que “Matriz” não é exceção. Ouvimos dizer que dedica este single à sua "Deusa'' e talvez por isso não lhe tenha faltado inspiração para esta beleza musical.













Bailado

AMARAMÁLIA 2020

AMARAMÁLIA 2020 apresenta-se como “uma projeção imaginária, uma cerimónia sem tempo e personagens definidas”. O espetáculo da Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo que percorreu os palcos nacionais em 2021 e estreou em televisão este mês, na RTP2, está de volta ao Teatro Camões, em Lisboa, nos dias 29 e 30 de Janeiro, e ao Teatro Municipal de Ourém, a 29 de abril.












Teatro

Floresta dos Enganos, Teatro da Cerca de São Bernardo

Em Coimbra, de 20 de Janeiro a 6 de Fevereiro. Uma iniciativa do Cendrev e d’A Escola da Noite, a partir da última obra de Gil Vicente, o pai do teatro português, com encenação de José Russo.